Skip Navigation Links Você está em:  

Sala de Imprensa

Notícias

PNAIC encerra ano letivo com seminário para os professores
RSS
Por Ascom Búzios em 17/12/2013
No dia 13 de dezembro, aconteceu, no Gran Cine Bardot, o Seminário Municipal de Alfabetização, com o tema “O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: Reflexões sobre Formação e Prática Docentes em Armação dos Búzios”. Em 2013, o município de Armação dos Búzios aderiu ao pacto, o qual sugere que as crianças sejam alfabetizadas até os oito anos de idade e, como programa deste pacto, é oferecido aos professores de 1º à 3º ano da rede municipal um curso de formação continuada. Ao longo de 2013, a equipe do PNAIC, junto com os professores, desenvolveu as atividades do programa, a partir da formação que foi recebida pela UFRJ.

O seminário foi realizado como uma retrospectiva do trabalho feito ao longo do ano, e como uma forma de ouvir a reflexão dos professores sobre a influência do estudo na prática. De acordo com a coordenadora do PNAIC em Búzios, Daianna Medeiros, o evento serviu, também, como uma oportunidade de valorizar o trabalho docente, não só pela questão salarial, mas também pelo reconhecimento das boas práticas: 

“O PNAIC é um pacto que envolve quatro eixos: gestão e mobilização social, avaliações, materiais didáticos e a formação continuada. A formação continuada é o principal eixo de trabalho dentro do pacto para a educação na idade certa. A ideia desenvolvida ao longo desse ano teve ligação direta com a formação dos professores que já estão em exercício nas turmas que participam do plano”, disse ela.

Tendo 87 turmas de 1° a 3° ano, a formação continuada alcançou os 76 professores que lecionam no município, sendo que alguns destes professores atuam em duas turmas. Além desses 76, o PNAIC, a partir de uma iniciativa municipal, também atendeu os professores residentes, que já se formaram no curso de formação normal no Colégio Paulo Freire, e que tiveram este ano para estudo e acompanhamento de algumas turmas de alfabetização. Apesar de o pacto nacional englobar somente os professores alfabetizadores, em Búzios também foi proposto o trabalho com os alunos em formação, com um curso resumido de 40 horas, e também foi oferecida a oportunidade de formação especificas para diretores e supervisores.

Quanto aos objetivos do curso, Daianna disse que “o curso não tem um objetivo, mas muitos objetivos”: 

“O grande objetivo é alfabetizar as crianças até 8 anos, com autonomia, alfabetizar e letra. Esse é um objetivo constante a ser perseguido, mas já se percebem várias conquistas, como o fortalecimento da identidade do professor, a valorização, a mudança na prática refletindo, diretamente, no avanço no  aprendizado das crianças”, afirmou ela, complementando que o  acesso direto das crianças aos materiais que o MEC mandou diretamente para as classes de alfabetização foi um outro ganho conseguido com o pacto. Atualmente, livros de literatura infantil presentes na sala de aula facilitam o acesso das crianças à leitura.

Para o ano que vem, o pacto continua, pois a proposta de trabalho do pacto é contínuo, entre 2013 e 2014.  Já 2015 será um ano de manutenção e ajuste do pacto para que seja feito um acompanhamento efetivo dos resultados. Este ano, os cursos de formação continuada foram focados na língua portuguesa e em um aprofundamento dela, com ações de acompanhamento nas escolas, para acompanhar a da aprendizagem do aluno observando se a formação está contribuindo na prática. Já em 2014, o curso focará na matemática.



Valid XHTML 1.0 Transitional

Selo de Acessibilidade - DaSilva

Estrada da Usina, 600 Centro (22) 2633-6000 Desenvolvido por NPI Brasil