Skip Navigation Links Você está em:  

Sala de Imprensa

Notícias

Búzios Sailing Week é destaque no feriado da Semana Santa
RSS
Por Ascom Búzios em 22/04/2014
A Prefeitura de Búzios, por meio da Secretaria de Esportes e Lazer, o Iate Clube Armação dos Búzios (ICAB), a Associação Brasileira de Veleiros de Oceano (ABVO) e a Federação de Vela do Estado do Rio de Janeiro (FEVERJ), realizaram, do dia 18 ao dia 20 de abril, a 29ª edição do Búzios Sailing Week, segundo as regras internacionais de regata a vela e das determinações da FEVERJ. 

O 29º Búzios Sailing Week reuniu cerca de 30 barcos de velejadores de destaque no cenário brasileiro, como o medalhista olímpico Torben Grael, e estrangeiros de países como Argentina e Uruguai, que participaram de cinco regatas no total, nas classes convidadas IRC, ORC e BRA-RGS.  

O evento, que começou na tarde do dia 17, quinta-feira, teve pesagem das tripulações e coquetel de abertura.  No dia 18, pela manhã, as tripulações realizaram pesagem, seguida de reunião de comandantes, início das regatas e confraternização social. O sábado teve início com as regatas e churrasco de confraternização, assim como domingo, dia 20, que finalizou a programação com a cerimônia de premiação.

O Comodoro do Iate Clube de Búzios, Alain Joullie, afirma que essa é uma regata muito tradicional para os velejadores, sempre acontecendo na Semana Santa, desde a época de quando Búzios era distrito de Cabo Frio. 
“Búzios é sempre fantástico, é uma palavra mágica que transforma o campeonato em formidável só pelo fato de ser aqui. Esse ano, tivemos o empenho muito maior da Prefeitura, que entende a importância de um campeonato como esses, com visita de barcos internacionais. Estamos no lugar exato na hora certa”, afirmou o Comodoro.

Ainda segundo ele, por ser a melhor raia do país, um ícone para a cidade por ser a único clube de vela social no Brasil, Búzios tem condições perfeitas de vento e mar, com ausência de muros na sede, de pedras e de trânsito de navios. Além da excelente visualização das regatas estando na sede do Iate Clube, está sendo discutido se as competições de velas das Olimpíadas 2016 acontecerão em Búzios ou na cidade do Rio. 

Segundo Wallter Boddener, responsável pela Comissão de Protesto, o papel da sua função é realizar o raiting, resultado da medição de dados, como: cada regata e do desempenho de cada barco, considerando o peso, o estilo, a capacidade e a tecnologia. É necessária a realização de raiting quando há casos discordantes entre os competidores e seus barcos. Ainda segundo ele, o clima da cidade propicia a atividade dos esportes de vela.
“Búzios não tem como dar errado. Até chovendo, dá certo. Esse feriado prolongado e com sol está perfeito”, disse Walter. 

O responsável pela Comissão de Regata, Beto Albuquerque, avaliou que nessa competição aconteceram dois tipos de regatas: uma delas, a Barla-sota, que traz mais dificuldade para a Comissão de Regatas na montagem dos percursos com as boias, além da chegada e largada, conforme o vento e as condições do mar. Essa regata, que exige mais manobra dos velejadores, mais conhecimento, melhor nível técnico possível, pois o vento está em qualquer direção, ocorreu duas vezes na sexta-feira, dia 18, e duas no domingo, dia 20. 

Já outra, de percurso, ocorreu no sábado, dia 19, onde teve largada na Praia do Canto, na altura do Iate Clube, e passou por uma boia na Ilha Feia, duas boias na Praia de Geribá, retornando ao Clube. A regata de percurso envolve mais o lazer de velejar longas distâncias, podendo compensar em um trajeto o distanciamento em outro. 

Participaram ainda do 29º Búzios Sailing Week a equipe de vela do Colégio Naval do Rio de Janeiro, com 16 alunos entre 17 e 18 anos distribuídos em 4 barcos, na categoria RGS. E ainda dois barcos da Escola Naval, nível superior da carreira naval, que se adianta na formação como oficial da Marinha. Segundo o Comandante do Colégio Naval, Guilherme da Silva Costa, a expectativa na vivência com esse tipo de evento, que reúne a nata da vela, foi totalmente alcançada.

“Nesse início da vela, buscamos colocar a equipe em eventos relevantes, onde Búzios é referência. A formação dos alunos começa em barcos menores e com o trabalho de equipe”, avaliou o Comandante Costa. 

De acordo com as regras da competição, com cinco regatas haveria uma nota de descarte e o campeonato foi validado com cinco regatas ao todo. Foram premiados, com troféus e medalhas, os dois primeiros colocados de cada classe, segundo tabela de classificação.

O resultado completo do Búzios Sailing Week 2014 encontra-se disponível no site da federação: www.feverj.org.br. 
 


Valid XHTML 1.0 Transitional

Selo de Acessibilidade - DaSilva

Estrada da Usina, 600 Centro (22) 2633-6000 Desenvolvido por NPI Brasil